Páginas

quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Porta Retratro II.





Pode entrar

A porta agora esta aberta

Lamento informar que o procuras já foi

Partiu

 

Em um impulso inexplicável

Aquele porão onde as cousas todas eram guardadas

Foi simplesmente limpo

Esvaziado de um dia para o outro

 

Impressionante como os ares tomam rumo sem aviso

E assim tinindo em ventos

Resplandece então a vontade de abrir caminho a luz

O porta retrato se foi

 

Foi se junto com as estantes velhas e os talheres de prata sem valor

Aqui ficou apenas o espaço aberto para o novo

O espaço para o riso o novo começo

Ficou a vontade de um novo berço

Um comentário:

  1. O desapego muitas vezes, é o reencontro com a felicidade.
    Abraços!!!

    ResponderExcluir